domingo, 11 de junho de 2017

(12)ARTIGO DE OPINIÃO: FALEMOS DO ALEGADO CASO DE BULLYING SOBRE OS ALUNOS COM EXCESSO DE PESO!

E PORQUE HOJE É DOMINGO FALEMOS SOBRE O ALEGADO CASO DE BULLYING SOBRE OS ALUNOS COM EXCESSO DE PESO
Resultado de imagem para atirar a pedra e esconder a mão+imagens

M/Caros Bloguistas!

A propósito do alegado caso de bullying  exercido sobre os alunos com excesso de peso, que chegou ao conhecimento de todos nós através de um órgão de CS, gostaria de fazer duas considerações muito simples e rápidas depois de ter refletido sobre tudo que foi sendo dito por aí e por aqui até ao momento.

1-Será correcto um simples suspeito ser notícia na CS?

Na minha modesta opinião "não". E não, porque no limite qualquer um de nós pode ser suspeito de qualquer coisa bastando pra tal que alguém se lembre de nos denunciar de forma anónima seja por malvadez ou "brincadeira".
A titulo de exemplo, cito 2 textos saídos recentemente num jornal que diziam: "PJ abre todas as semanas 10 novos inquéritos sobre pedofilia após denúncias anónimas"; "80% das investigações levadas acabo pela PJ relativas a pedofilia acabam arquivos porque não se confirmam as suspeitas".
Assim, é m/entendimento que estes números nos devem fazer pensar sobre o que se passa com as tais denuncias anónimas, nestas como noutras matérias. Sim, feitas as contas fica-se com a sensação que qualquer chefe de família pode ser alvo de uma investigação só porque alguém se lembrou de pegar no telefone e denuncia-lo.
Não sei se a PJ durante as suas investigações "incomoda" os denunciados nem tão pouco sei se depois faz caça aos autores das referidas denuncias. Mas posso assegurar-vos que a Inspecção Geral da Educação "incomoda" mesmo os denunciados com ou sem motivos.
Os antigos diziam que "só és boa pessoa até os teus vizinhos o quererem", agora até parece que se pode dizer "só és boa pessoa até um malvado ou "brincalhão" pegar no seu pé!"

2-Em atalho de foice falemos um pouco de bullying

Mas porque o bullying existe (forma de violência física e/ou psicologica exercida ao longo do tempo) e atinge sobretudo crianças e jovens, em meio escolar, aqui deixo duas achegas uma positiva e outra negativa:

2.1-Aspecto Negativo: o bullying é o tipo de violência que só começou a ser estudo na década de 80 e, dizem os estudos, que tende a ser ignorada no seio das organizações apesar de já ter feito várias vitimas no sentido literal do termo. Segundo esses estudos, uma vitima de bullying não consegue resolver sózinha a situação se a violência for exercida por grupos, colegas mais velhos ou superiores hieráquicos. Por isso é perfeitamente legitimo que as vitima deste tipo de violência peçam ajuda. [mas será preciso ir logo bater à porta da inspecção e da comunicação social?! pra que servem os directores de turma e os directores das escolas?!]. Os estudiosos deste fenómeno aconselham que nunca se deve dizer à vítima "deixa lá" e/ou  "se eles te batem ou chamam nomes feios faz como eles" pois a vitima pode não se sentir capaz de o fazer por impotência ou principio.

2.2-Aspecto Positivo: as situações de bullying são complexas mas têm "remédio" exigindo soluções integradas visando as vitimas e o(s) agressor(s). Os estudos mostram que a grande maioria dos agressores de hoje foram vitima no passado (e assim sendo os do futuro estão a ser "fabricados" hoje...)

Grata pela V/atenção!
Sou, Profª A. Monteiro

NB: Pra decorar este texto escolhi a imagem de uma pedra em forma de coração, porque MUITAS vezes por trás das denúncias anónimas está gente falsa/hipócrita: gente que pela frente faz-se amigo mas por trás atiram pedrada. Quem nunca conheceu alguém assim?!

72 comentários:

  1. NOTA PRÉVIA: ELE HÁ COINCIDÊNCIAS...

    Na rubrica do "E Porque Hoje É Domingo", era nossa intenção publicar um texto sobre a forma como a Comunicação Social portuguesa lida com certo tipo de matérias por todos consideradas sensíveis. Referimo-nos à forma como o CM lidou com o alegado caso de violação de uma estudante universitária num autocarro(*) e a RTP no caso da 1ª vítima portuguesa do chamado "jogo da baleia". Mas as circunstâncias pregaram-nos uma rasteira e acabamos por pegar numa situação de Cá e que só tomamos conhecimento pela CS!

    ProfAnónima

    (*)Recordamos que esta notícia mereceu um número record de queixas na ERC, porque foi considerado por muitas pessoas que o CM cometeu bullying sobre a jovem violada.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já não percebo nada, afinal de contas o Correio da Manhã denuncia casos de bullying ou pratica atos de bullying??

      Eliminar
    2. Parece que tem dias (risos). Falando a sério: não sabemos se os pratica. Apenas sabemos que nas redes sociais foi acusado disso e que teve um número record de queixas na Entidade Reguladora por causa da tal notícia! ProfAnónima

      Eliminar
    3. Conhecem outro diretor escolar que tenha falado a um jornalista na fase de inquérito fosse porque fosse??

      Eliminar
    4. Vamos agora publicar um comentário que nos chegou no dia 13/6 e prometemos dar-lhe continuidade com esclarecimentos concretos! ProfAnónima

      Eliminar
  2. INFORMAÇÃO AOS LEITORES

    Esta situação foi abordada pela 1ª vez na rubrica dos "Diversos" (post 2) e depois na rubrica do "Tarouca Foi Notícia" (post 8). Como existem comentários nos 2 postes vamos trazê-los para aqui por uma questão de organização!

    ProfAnónima

    ResponderEliminar
  3. ESPAÇO PRA COLOCARMOS OS COMENTÁRIOS RECEBIDOS NA RUBRICA DOS "DIVERSOS DE JUNHO":

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ANÓNIMO PERGUNTA: (Anónimo 7 de junho de 2017 às 17:05) O que têm a dizer sobre isto?

      http://www.cmjornal.pt/portugal/detalhe/professor-suspeito-de-bullying?utm_medium=Social

      BOGUISTAS RESPONDEM:

      1-(Anónimo7 de junho de 2017 às 20:14)
      Por agora MUITO pouco: estamos a tentar perceber porquê que um acto que é prolongado no tempo só no final do ano lectivo chega à CS! ProfAnónima

      2-(Anónimo7 de junho de 2017 às 20:53)
      Bem observado. devem igualmente tentar saber porquê que fizeram a queixa à inspecção em vez de a fazerem ao diretor e à associação de pais.

      3-(Anónimo7 de junho de 2017 às 23:15)
      Agora dizemos nós: bem observado! E bem observado porque não queremos crer que tenham tomado essa decisão por orientação de alguém! ProfAnónima

      4-(Anónimo7 de junho de 2017 às 23:23)
      INFORMAÇÃO AOS LEITORES:E depois do que já se disse neste post e no post 8, pensamos não dizer mais nada sobre este assunto, até termos conhecimento a dados concretos e minimamente fiáveis! Gratos pela V/compreensão! ProfAnónima

      5-(Anónimo8 de junho de 2017 às 00:27)
      Igualmente estranho é a notícia ter quase mil partilhas mas zero comentários. Também que dizer sobre algo onde só existem suspeitas???

      6-(Anónimo8 de junho de 2017 às 01:14)
      Aqui era importante saber se os alunos alertam ou não o diretor de turma e o diretor da escola e o quê que estes fizeram. Era igualmente importante saber-se que fazia o professor para os alunos se sentirem descriminados? Humilhava ou ensinava hábitos de vida saudáveis?

      7-(Anónimo8 de junho de 2017 às 19:55)
      Quem disse que a direcção não foi informada???

      8-(Anónimo8 de junho de 2017 às 19:57)
      A posição correcta seria não defender ninguém sem ouvir todos os intervenientes

      9-(Anónimo10 de junho de 2017 às 21:36)
      Sabe o que lhe digo? Temos uma geração de miúdos mimados que pensam que podem mandar em todos incluindo conseguir avaliações para as quais não trabalharam.

      *ALGUNS DESTES COMENTÁRIOS VÃO MERECER A N/RESPOSTA!

      Eliminar
  4. ESPAÇO PRA COLOCARMOS OS COMENTÁRIOS RECEBIDOS NA RUBRICA "TAROUCA FOI NOTÍCIA" DE JUNHO:

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O TAROUCAndo INFORMA: «TAROUCA É NOTÍCIA

      No CM de hoje por causa de um alegado caso de "bullying" de um Professor pra com os Alunos com excesso de peso.

      Falamos em "alegado caso", não só pelas reservas que certos órgãos da CS nos causa, mas também pelo taming em que esta notícia surge! (cont.)

      ProfAnónima

      *Recordamos que o "bullying" pressupõe um acto violento ao longo do tempo.

      (ProfAnonima7 de junho de 2017 às 19:53)

      BLOGUISTAS RESPONDEM:

      1-(Anónimo7 de junho de 2017 às 20:56)

      Nota-se que são muitos anos a virar frangos! ;)

      2-(Anónimo7 de junho de 2017 às 21:23)
      Realmente é muito estranho que este caso só tenha vindo para a opinião pública no final das aulas e tenha sido comunicada à inspeção. Tudo muito estranho. E mais estranho é quando se sabe que outros casos mais graves foram todos abafados.

      3-(Anónimo7 de junho de 2017 às 23:12)
      Sem queremos valorar as situações que acontecem no dia-a-dia de uma escola, estamos completamente de acordo em classificar de "estranha" a forma como este processo foi conduzido. Até porque o Sr Director não só não se recusou a falar como ainda terá aberto as portas ao referido jornal que fotografou as salas de aulas. Tudo muito estranho sem dúvida! ProfAnónima

      4-(Anónimo7 de junho de 2017 às 23:21)
      INFORMAÇÃO AOS LEITORES:E depois do que já se disse neste post e no post 2, pensamos não dizer mais nada sobre este assunto, até termos conhecimento a dados concretos e minimamente fiáveis! Gratos pela V/compreensão! ProfAnónima

      5-(Anónimo8 de junho de 2017 às 01:32)
      Gostava de ler a notícia na fonte e os comentários mas não a encontro. Seria possível colocarem aqui o endereço eletrónico?

      6-(Anónimo9 de junho de 2017 às 01:10)
      O endereço desta notícia foi enviado prós "diversos"-Post 2.

      7-(Anónimo9 de junho de 2017 às 15:34)
      A situação continua muito estranha pois ninguém sabia de nada até ter aparecido no jornal e no facebook. Num meio tão pequeno onde tudo se sabe como era possível manter em segredo uma coisa destas? Só encontro uma explicação: tudo inventado muito recentemente para pressionar o/a professor/a a aumentar a nota. O tempo me dirá se tenho ou não razão.

      8-(Anónimo9 de junho de 2017 às 17:33)
      Quebramos o prometido silêncio pra dizer 2 coisas:

      1-A comunidade escolar (e até a educativa!) só ficou a saber no dia em que a notícia saiu no Correio da Manhã lendo-o ou vendo a sua postagem no Facebook. Ou seja: não existem 2 fontes mas apenas uma.

      2-Dada a "importância" deste caso resolvemos publicar um artigo de opinião aqui e no facebook.

      ProfAnónima

      *Desde ontem que estamos impedidos de escrever do lado de dentro! Coisas...

      9-(Anónimo9 de junho de 2017 às 19:10)
      Sobre esta frase «Só encontro uma explicação: tudo inventado muito recentemente para pressionar o/a professor/a a aumentar a nota.» lida no comentário das 15:34, por agora apenas digo: poderá ser esta a explicação, caso o "denunciado" leccione no 3º ciclo/secundário, pois estes já tinham feito a auto-avaliação e até já tinham lançado as notas no computador! (am)

      *ALGUNS DESTES COMENTÁRIOS VÃO MERECER A N/RESPOSTA!

      Eliminar
  5. Dizem por aí que o denunciado queria concorrer para a direção. Será verdade? Quem é ele(a)?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Continuamos sem saber quem foi o denunciante e quem é o/a denunciado/a, nem sabemos se alguma vez vamos ficar a saber. Mas seria bom sabermos pra se poder fazer uma "avaliação" mais correcta da situação!ProfAnónima

      Eliminar
    2. Ouvi dizer que aquele professor que trouxe cá a TVI.

      Eliminar
    3. A confirmar-se que queria concorrer a director está tudo dito. Porquê que aparece aqui a TVI? Não foi a câmara que a trouxe para promover as potencialidades cá da terra?

      Eliminar
    4. Estão a querer dizer que o Prof. visado é aquele que denunciou o caso do aluno que batia nos colegas e até nos professores?? A confirmar-se ele devia ter mais cuidado porque devia saber que a partir passou a ser um alvo a abater. (am)

      Eliminar
    5. Com os dados de que dispõem já conseguem perceber o que aconteceu? ou é preciso fazer um desenho?? Zé

      Eliminar
    6. Ainda tudo muito confuso! Claro apenas que alguém ali passou a ser visto como persona nom grata e devia passar a ter mais cuidado. Se for permitido usar uma tripla talvez acerte!-X

      Eliminar
    7. A ser quem dizem não pretendia concorrer mas dizem que era um apoiante de peso da lista adversária.

      Eliminar
  6. INFORMAÇÃO:

    Temos que responder do lado de fora, pq o sistema não nos permite fazer de outra forma. Muito possivelmente vamos estar off durante algum tempo!...

    ProfAnónima

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gosto de escrever neste blog sobretudo quando está off. Quem não gosta de escrever em exclusivo p`ra alguém?!? ;)

      Eliminar
    2. É simples. Basta fazer uma denúncia no sítio certo e logo se desaparece da blogosfera.

      Eliminar
  7. disseram-me que a denuncia só foi anónima porque houve orientações nesse sentido. os professores têm que compreender que ainda existem alunos que tentam conseguir boas médias.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sobre denúncias anónimas estamos falados. Vamos às médias:
      -Que bom que "ainda temos alunos a tentar boas médias". Eu tive MUITOS, graças a Deus! Mas esta preocupação com médias, seja por causa da entrada no ensino superior seja por brio pessoal, NÃO deve aparecer apenas no final do ano. E digo isto porque é essa a ideia com que fico sempre que um aluno SÓ aparece a queixar-se de um Professor nesta altura. AM

      Eliminar
    2. Só faltou referir o quadro de mérito...

      Eliminar
    3. Pessoalmente não tenho nada contra o quadro de mérito e até acho que é bom se servir pra estimular/reconhecer o empenho dos alunos! AM

      Eliminar
  8. Felicito-vos pelo texto e sugiro que não permitam a "entrada" das Micás que não trazem nada de novo e só servem para tirar credibilidade a este espaço. Continuem! Santos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também vos felicito pelo texto mas peço que deixem entrar as Micás. Eles fazem falta a este blog, elas são o "sal"deste blog!!!

      Eliminar
    2. Este blog não é muito adepto de sal. Por questões de saúde aposta mais em ervas aromáticas e afins! :)

      Eliminar
  9. Compreendo a ideia do texto mas concordo com este comentário:"A posição correcta seria não defender ninguém sem ouvir todos os intervenientes". Obrigada

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo que não se deve tomar o partido de ninguém sem primeiro ouvir todas as partes envolvidas, mas confesso que não vejo nada no texto do poste que possa levar alguém a dizer que estão a tomar partido de alguém? Vejo isso sim críticas a quem faz denúncias anónimas falsas e palavras de conforto a quem possa estar a ser vítima do buling. As escolas deviam estar mais atentas a isto.

      Eliminar
    2. De facto não ouvi todos antes de escrever o texto. Como seria possível fazê-lo?! Mas posso assegurar que ouvi representantes de todos os elementos da Comunidade Escolar.

      Não pretendi defender ninguém(*) apenas quis mostrar que somos um Povo com propensão prá denuncia anónima, talvez porque os denunciantes não sofrem qualquer consequência da maldade/brincadeira! A.M.

      (*)Não pretendi defender ninguém pois não sabia nem sei quem é o denunciado (e continuo sem saber) e fazê-lo em abstrato era ser "coorperativista" e eu sou totalmente contra este tipo de solidariedade já que é geradora de injustiças.

      Eliminar
  10. Gostei do texto mas não percebi porque acusam a inspecção de incomodar mesmo sem motivos? Maria

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. D. Maria, me parece que não é bem isso que está no texto mas vamos esperar que seja a autora a esclarecer!

      Eliminar
    2. Significa que após uma denuncia, anónima ou não, a Inspecção entra em campo e faz um trabalho exaustivo de averiguação ao trabalho do Prof. denunciado. Não se limita a apurar a veracidade da acusação...vai mais longe!A.M.

      Eliminar
    3. Isto é verdade. Posso acrescentar que o registo biográfico é passado a pente fino bem como o registo de faltas, instrumentos usados na avaliação, etc. Muitas vezes até vão ver os cadernos dos alunos, livros de pontos, etc e tudo porque alguém denunciou que um professor cometeu buling ou outra coisa ainda que não tenha cometido.

      Eliminar
    4. Por isso se diz que os inspetores devem ganhar ao quilo...

      Eliminar
    5. Ao quilo? Pensava que era ao quilómetro!!!

      Eliminar
    6. Ao quilómetro não acredito. E digo isto porque uma amiga minha contou-me que uma vez um Inspector entregou-lhe uma nota de culpa e esta logo ali o informou que ia solicitar um oficioso por questões económicas por todos conhecidas. Dado o atraso em conseguir o oficioso solicitou dilatamento de prazo não lhe tendo sido dado porque "esta não fez prova de ter solicitado o oficioso". Ela entretanto soube que o Inspector tinha ido à Segurança Social informar-se. Não telefonou... fez 40 Km e foi lá, ainda que depois tenha omitido essa viagem no relatório final (sem comentários).

      Realmente as conversas são como as cerejas: começamos com bullying passamos por notícias a pedidos(?) e já estamos nas cerejas, ou antes nos Quilómetros! AM

      Eliminar
    7. Já não percebo nada. Afinal pode-se ou não confiar na Inspeção da Educação????

      Eliminar
    8. Se bem entendemos, o Colectivo/a Instituição dá sinais de funcionar bem. Em termos Individuais deve existir de tudo como em qualquer outra profissão! ProfAnónima

      Eliminar
  11. Não quero assustar ninguém mas os tais fãs do barra da costa estão a "informar" que vem aí a polícia. Alguém percebe o que querem dizer com isso? Por norma eles costumam ler bem as cartas!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Todos os assuntos que digam respeito a essa "misteriosa" conta serão tratados por uma colaboradora deste blog pois tem sido a mais afectada! De qualquer forma bem haja pela informação pois está provado que eles têm acesso a informações privilegiadas! ProfAnónima

      Eliminar
    2. Para quando mais explicações a este assunto???

      Eliminar
    3. Sobre este assunto (colateral?) voltamos a dizer isto: «Todos os assuntos que digam respeito a essa "misteriosa" conta serão tratados por uma colaboradora deste blog pois tem sido a mais afectada! De qualquer forma bem haja pela informação pois está provado que eles têm acesso a informações privilegiadas! ProfAnónima»

      Eliminar
  12. Já lá vai o tempo que os visados nos jornais e a restante família começavam às 5 da manhã a comprar os jornais todos que traziam a notícia. Existem tradições que se deviam manter!kkkk

    ResponderEliminar
  13. UMA ACHEGA

    Continuo sem saber quem é o denunciado mas a confirmar-se o que por aqui se vai dizendo, "tranquilizo-o" pois imagino que não lhe vão faltar "afectos" e lenços pra limpar as lágrimas! (oferecidos pelo denunciante?!)

    A. Monteiro

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acredito que no início nada soubesse mas agora já deve ter material para escrever uma novela. Partilhe connosco, vá lá...

      Micá de Cá

      Eliminar
    2. D. Micá de Cá, tenha calma...não seja impaciente!
      Ao que parece, neste momento, já todo mundo tem material/informação suficiente pra fazer uma novela, resta saber se tipo mexicana ou tipo "ouro verde"! ;)

      ProfAnónima

      Eliminar
    3. E tal como já era de esperar, já foi oferecido um ombro amigo ao pobre denunciado que depois de um ano de trabalho pretendia e merecia ir de férias tranquilo. Deus não dorme.

      Eliminar
    4. essa tática é muito velhinha. consiste em derrubar alguém e depois oferecer ajudas para o levantar, não sabia é que era usada nas escolas. pobres crianças com exemplos destes.

      Eliminar
  14. Se o asunto era sobre o buling porque trouxe a pedofila á baila???

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bullying e pedofilia NADA têm haver. A pedofilia foi trazida à baila, porque sobre ela existem dados públicos que mostram bem o quanto somos um Povo dado a fazer denúncias falsas, sobretudo anonimamente. Só isso.

      Eliminar
  15. ÚLTIMA HORA

    Confirma-se que o denunciado é o Professor que no passado denunciou o caso reiterado de indisciplina/violência de um aluno e que apoia a candidatura adversária à actual Gestão.

    ProfAnónima

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Teve a ajuda das Micás nesta fantástica descoberta?? Zé

      Eliminar
  16. Parece que agora o problema já não é bullying mas "muito rigor". Será crime ser-se rigoroso?!
    E já agora: quando se diz que um Professor é muito rigoroso? Prof. rigoroso durante o ano sei o que é (tive vários professores assim), agora rotular de "rigoroso" um Prof. só no final do ano já não sei o que é. Será que não estão a usar indevidamente o adjectivo?! Am

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ser rigoroso não é defeito é antes uma virtude se dentro das orientações do Ministério e dos critérios de avaliação elaborados no Departamento/Grupo Disciplinar e posteriormente aprovados pelo Conselho Pedagógico.

      Eliminar
  17. Ouvi dizer que estão a ser criadas contas no facebook com diálogos fictícios sobre este caso, sabem alguma coisa?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sobre este assunto continuamos sem saber nada, mas não nos admira que tal possa estar a acontecer, porque hoje em dia é normal que tal aconteça! ProfAnónima

      Eliminar
  18. Sabe o que lhe digo? Tudo isto é triste...tudo isto existe, mas prefiro saber que é uma luta entre dois galos a disputarem o poleiro do que a tentativa de crucificarem alguém para dar o lugar a alguém. Maria

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Compreendo que as pessoas prefiram falar sob anonimato mas certos assuntos deviam ser escritos com o nome completo dos protagonistas. Lopes

      Eliminar
  19. Professora conheço-a há muito tempo por isso sei que é uma defensora dos injustiçados, mas dou-lhe por conselho que não use o seu caso pessoal para deitar mais achas para a fogueira para um caso de contornos sórdidos. Se é uma pessoa de fé espere pelo castigo Divino. M. Lopes

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pode ficar descansado(a) que aqui não se misturam assuntos/casos. Os casos anteriores, seja o da Professora ou o das Funcionárias, "só" nós são úteis pra perceber os novos casos. Dá pra ver como certos actores funcionam e como reage o "sistema"! ProfAnónima

      Eliminar
  20. INFORMAÇÃO RELACIONADA: «ELEIÇÕES PRÓ DIRECTOR DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS

    No dia 22 de Junho vão acontecer eleições pró cargo de Director do Agrupamento de Escolas de Tarouca. Soubemos junto de uma fonte muito segura que apareceram duas candidaturas: a do actual Director e a de um Professor de Educação Física!

    ProfAnónima»

    *Trazido do post 5

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É o Prof. Reis? Andava ontem a passear no Vale.

      Eliminar
    2. Pelas informações que nos chegaram é outro Professor!

      Eliminar
  21. INFORMAÇÃO RELACIONADA:

    Na edição de hoje do Correio da Manhã vem uma notícia sobre uma Prof. de História que alegadamente tem vindo a coleccionar processos (está no 3º), por proferir palavras racistas e xenófobas prós seus alunos.

    O assunto já havia sido notícia em Maio e voltou a ser hoje outra vez. Sobre esta notícia pouco há a dizer porquanto a denúncia tem rosto (a mãe/ee) e o Jornalista procurou ouvir tanto a Professora como o Director da Escola que se recusaram a falar. Além disso, e com base na notícia, fica-se com a sensação de existem "fortes indícios".

    Situação bem diferente foi o que se passou aqui: uma simples denúncia ANÓNIMA e despoleta uma situação por todos considerada excessiva e estranha.

    ProfAnónima

    ResponderEliminar
  22. Ouvi dizer que foi um estagiário que escreveu o artigo da escola.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não ouvi nada disso. Mas um estagiário é suposto ter um orientador. Que orientador ia deixar sair uma notícia daquelas tão incompleta?! Aquilo não é um blog nem tão pouco um jornaleco regional...

      Eliminar
  23. Estou a ver que o assunto ainda continua. Será positivo a escola ter saído tantas vezes nos jornais e televisões nos últimos dez anos? Deixo a pergunta a quem souber responder.

    ResponderEliminar
  24. Sugestão de leitura:

    http://asasdamontanha.blogspot.pt/2017/06/palavra-que-nao-cabe-no-vocabulario.html

    ResponderEliminar